Contagem regressiva para a festa de Ogum


Daqui a 12 dias (em 21 de abril), os Caminheiros de Santo Antônio de Pádua renderão homenagens antecipadas a Ogum, tradicionalmente comemorado em 23 de abril. Trata-se do orixá das guerras, do ferro e um dos mais populares na afrorreligiosidade. 

Nos terreiros, costumeiramente, ele é o primeiro a ser saudado, pois Ogum abre os caminhos e, assim, deixa o ambiente preparado para todos os demais trazerem suas energias. Essas forças envolvem o espaço com uma aura de forças, que se traduzem em benefícios e equilíbrio a todos os integrantes da corrente e também aos que lá estão  em busca uma graça ou alívio para sua angústias

Entre os orixás comemorados na Casa, Ogum tem uma importância singular. O centro é um legado do guia-chefe Ogum da Floresta, que incorporava na fundadora dos  Caminheiros, Antônia Lins. Ogum da Floresta estabeleceu todos os fundamentos dos Caminheiros, desde o ordenamento ritualístico até a concepção arquitetônica do espaço físico.

As pessoas que são devotas ou filhas de Ogum devem estar em contagem regressiva para o dia da festa em louvor a este grande e magnífico orixá, sempre invocado nas horas de aflição. 

Data: 21 de abril
Horário: 19h30
Local: Centro Espírita Caminheiros de Santo Antônio de Pádua

Comentários

Postagens mais visitadas