PARCEIRO NA SOLIDARIEDADE

PARCEIRO NA SOLIDARIEDADE
Campanha para o Natal — clique na imagem

O que está por trás dos ataques à novela ´Salve Jorge´


Rodrigo Lombardi, protagonista
da novela Salve Jorg
e
Átila Nunes e
Átila Alexandre Nunes

Alguns setores ditos evangélicos declaram guerra à novela ‘Salve Jorge’ da TV Globo. Alegam que o enredo é uma adoração ao orixá Ogum, sincretizado com o São Jorge da Igreja Católica.

Uma dessa seitas, auto-intitulada evangélica, pede que seus seguidores não assistam ´Salve Jorge´e sim, assistam à reprise da novela ´Rei Davi’, que reestreou no mesmo dia, quando a Globo alcançou 35 pontos no Ibope. A TV Record, amargou ínfimos 6 pontos.

Uma dessas seitas acusa São Jorge de ser um “deus pagão travestido de santo” e que ´Davi, sim, é um herói verdadeiro´ e que ´os fiéis não podem aceitar em suas casas algo que contrarie a sua fé´

É óbvio que o tema da novela não é São Jorge, e, sim, do mito do guerreiro, o padroeiro da cavalaria representado na novela pelo ator Rodrigo Lombardi, que sendo devoto dele, pede proteção a cada ação.

Então, por que essa reação raivosa de um determinado segmento religioso, já que a novela não é uma homenagem nem à São Jorge, e muito menos à Ogum?

Aparentemente, pode parecer mais uma reação fundamentalista de fanáticos religiosos contra a Umbanda, que tem em Ogum um de seus mais importantes ícones. Mas...se a novela se chamasse ´Salve Jerônimo´ ou ´Salve Sebastião´? 

A reação seria idêntica porque não se trata de religião. Essa é uma interpretação precipitada. É muito menos um ataque fanático-religioso, e muito mais uma preocupação econômico-financeira.

Explico.

Nada dá mais lucro a uma emissora de televisão do que novelas. Nada supera esse segmento. Não há BBBs, humorísticos, reportagens, noticiários, esportes, musicais, nada, absolutamente nada que se compare à novelas em matéria de resultado comercial.

Por isso, as emissoras não economizam dinheiro quando produzem seus capítulos, levando para até para o exterior seus atores e equipes de cinegrafistas.

De acordo com a Forbes, a TV Globo quebrou um recorde comercial com ´Avenida Brasil´, conseguindo vender cotas comerciais de 30 segundos por R$ 800 mil para o último capítulo! Imaginem isso: 800 mil reais por 30 segundos! 

Ao todo, a TV Globo faturou cerca de R$ 2 bilhões, sendo que a produção de 180 capítulos da trama teria custado algo em torno de R$ 91 milhões. Um lucro de 1 bi e 900 milhões de reais!

Em menor escala, o sucesso da trama infantil ´Carrossel´ do SBT está com uma previsão de lucro de R$ 100 milhões de reais em 12 meses. Depois de ´Avenida Brasil´ e agora, de ´Salve Jorge´, é a novela de maior audiência da TV brasileira.
E ´Carrossel´não fatura apenas em comerciais por causa da alta audiência. Fatura ainda na venda de cerca de cem produtos licenciados da novela que vão desde bonecos, álbum de figurinhas, fantasia, kit festa de aniversário até aplicativos com jogos educativos para tablets.

O fracasso da audiência da reprise da novela ´Rei Davi´ se reflete, é claro, no faturamento da emissora, que vem amargando quedas constantes de audiência.

O ´Programa do Gugu´ vem sendo derrotado pelo SBT aos domingos. As novelas ´Rebelde´ e ´Máscaras´ não atingiram a audiência desejada e ficam longe da vice liderança atualmente conquistada pela emissora de Silvio Santos.

Por isso, é importantíssimo identificar o que se esconde atrás desses ataques à novela da Gloria Peres. Não se trata de uma guerra religiosa. Não! Trata-se de uma guerra comercial, onde o lado que esperneia, amarga prejuízos incalculáveis, obrigando seus proprietários até a venderem seus ativos para segurar a sangria financeira.

Outra guerra religiosa, disfarçada, vem acontecendo nos bastidores das seitas auto-intituladas evangélicas. Seitas que antes enchiam o Maracanã arrecadando fortunas de seus fieis, acabaram perdendo seus seguidores para outras seitas formadas por dissidentes que também se auto-nomearam ´bispos´. Parafraseando o ditado popular de que tem mais caquique do que índio, hoje tem mais ´bispo´do que fiel...

Em outras palavras: perderam audiência e perderam fieis que ajudavam a manter sua estrutura. Estamos falando de muito, muito dinheiro (recordando: um comercial de 30 segundos chegou a ser vendido por 800 mil reais!).

´Salve Jorge´ deve repetir o sucesso de ´Avenida Brasil´.  Por várias razões. Porque a autora é uma craque. Porque a produção é esmeradíssima (as cenas na Turquia são belíssimas). Porque os atores são consagrados e queridos.

E o mais importante: porque o brasileiro ama - e idolatra sim -, São Jorge, o mesmo São Jorge que é cultuado pelos seus devotos às 6 da manhã todo dia 23 de abril, e saudado à noite como Ogum nos terreiros de Umbanda.

Salve Jorge! Salve São Jorge! Salve Ogum! Salve a diversidade religiosa brasileira!

Em tempo: no terceiro dia, após a estréia, ´Salve Jorge´aumentou sua audiência. Marcou 37 pontos segundo o Ibope na Grande São Paulo, dois a mais do que na estreia. Na média de audiência do primeiro capítulo na audiência nacional foi de 41 pontos. No Rio, alcançou 40 pontos.

Comentários

Caboclo Brasileiro disse…
O neo-pentecostalismo na verdade se trata de um grande negocio, a maioria esmagadora dessa nova onda evangélica de longe prega uma ascensão espiritual, pelo contrario prega a ascensão material, você só é uma pessoa realizada se possuir bens materiais, essa lógica doentia de igrejas ditas evangélicas vai contra os ensinamentos do Cristo e o pior é que somente uma minoria é que alcança o auge financeiro enquanto os mais humildes sustentam as vaidades dessa minoria que fica cada vez mais rica e ambiciosa.
Esse artigo também nos mostra o inicio de uma nova era: a guerra santa no Brasil, onde uma pessoa que se imbuiu de autoridade religiosa e se julga no direito de atacar as religiões de matriz africana e que tem uma máquina de mídia para ofender os nossos Orixás.
Vemos também o uso de mecanismos baixos de ataque com o uso de figuras e estereótipos (macumbeiro, demônio, coisas do diabo) que não representam uma argumentação e nem de longe justifica absolutamente nada o que é tipico em discursos autoritários, isto é aqueles que não estão preocupados com o livre arbítrio e o poder de escolha dos outros o que é típico de ditaduras, isso mesmo ditadura. Temos que acordar pra esse debate senão passaremos para uma ditadura religiosa e veremos o que pode se transformar a nossa liberdade religiosa. Está aí o Afeganistão que não me deixa mentir.

PARCEIROS NA SOLIDARIEDADE

PARCEIROS NA SOLIDARIEDADE
clique na imagem para abrir o link

Postagens mais visitadas