PARCEIRO NA SOLIDARIEDADE

PARCEIRO NA SOLIDARIEDADE
Campanha para o Natal — clique na imagem

Dia Internacional da Mulher

Nesta quinta-feira, o mundo comemora o Dia Internacional da Mulher. A data está associada ao episódio ocorrido em 1857, em uma fábrica de produtos têxteis de Nova York, quando 130 operárias morreram carbonizadas devido a um incêndio provocado. O grupo entrou em greve a fim de exigir a redução da jornada diária de 16 horas para 10 horas e melhores salários. De meados do século 19 até o início do século 20, as mulheres não cessaram de promover manifestações em defesa dos seus direitos. Em 1910, em uma conferência internacional, na Dinamarca, as operárias nova-iorquinas foram homenageadas com a consagração do 8 de março como Dia Internacional da Mulher.

Desde então, muitos avanços ocorreram no sentido da equidade de gênero. Mas muito ainda falta para que a igualdade prevista nas legislações seja real. No Brasil, destaca-se a Lei Maria da Penha, que pune severamente a violência doméstica e coloca um ponto final na ideia machista de que as mulheres são uma "propriedade" dos homens.

Na próxima semana, a presidente Dilma Rousseff participará de uma solenidade no Congresso e sancionará a lei aprovada no Senado que acaba com as diferenças salariais entre homens e mulheres que exercem as mesma funções. Trata-se de mais um importante avanço para que haja equidade de gênero.

Nessa luta incessante muitas fizeram a diferença e ainda se destacam pela persistência e dedicação às atividades que realizam. Os Caminheiros de Santo Antônio de Pádua, particularmente, homenageiam a fundadora da Casa, Antônia Lins, cuja coragem, determinação e fé permitirão que chegassemos aos 41 anos de fundação, estendendo as mãos a todos os irmãos que lá chegam em busca de um alento para suas dores, sejam homens ou mulheres.

Comentários

PARCEIROS NA SOLIDARIEDADE

PARCEIROS NA SOLIDARIEDADE
clique na imagem para abrir o link

Postagens mais visitadas