“Queridos Irmãos, agradeço as preces carinhosas que sempre que recorro por meus pequenos problemas recebo em raios de muita luz. Desejo a todos os irmãos um Natal santo com muito amor,paz e felicidade. Um ano-novo num amanhecer florido de realizações e prosperidade”, Cristina B. B., moradora do Paraná.

Assim, é com alegria que reproduzimos a mensagem acima enviada por uma irmã do Paraná e desejamos que os votos dela aos Caminheiros se estenda a todos que freqüentam ou são amigos da casa.
Durante 2010, os Caminheiros de Santo Antônio de Pádua receberam centenas de pedidos de prece por meio do seu site (www.caminheirosbsb.com.br). Todas as correspondências, tratando dos mais diferentes dramas, angústias e sofrimentos materiais e espirituais, foram encaminhadas para as sessões realizadas na Casa. Os pedidos referentes à saúde foram enviados à Fonte das Rosas Brancas. Os casos de desequilíbrios emocionais e espirituais foram encaminhados às sessões de Umbanda e de Desobsessão.
Os apelos em favor dos irmãos desencarnados feitos por familiares daqueles que passaram para o plano espiritual foram mandados para a Prece dos Desencarnados, que ocorre às 19h de todos os domingos. Para que isso ocorra com muita serenidade, os Caminheiros contam com quatro irmãs para fazer esses encaminhamentos: uma cuida do site e do blog, recebe as correspondências e repassa para três outras que trabalham nas diferentes sessões espirituais.
Embora poucos dêem retorno, a convicção dos Caminheiros de que muitos pedidos são atendidos pela Espiritualidade, com a permissão de Deus, cresce a cada momento, pois são inúmeros os mesmos irmãos e irmãs que subscrevem e-mails pedindo graças diferentes, ora por algum amigo, parente ou para si por problemas diferentes.
A boa doutrina espírita recomenda que se dê com uma das mãos, tendo a preocupação de evitar que a outra perceba. Ou seja, não devemos exaltar o que fazemos. A discrição é uma boa aliada da humildade e segue em via oposta a da vaidade. Porém, é gratificante saber se alguém, que depositou esperança nos Caminheiros, foi atendido. Mas os depoimentos fortalecem a fé e preenchem de alegria a Casa, cujo lema “é dar de graça aquilo que de graça recebeu de Deus”. Ou seja, o dom da mediunidade.

Comentários

Postagens mais visitadas