PARCEIRO NA SOLIDARIEDADE

PARCEIRO NA SOLIDARIEDADE
Campanha para o Natal — clique na imagem

Intolerância religiosa. Com quem está o demônio?

A intolerância religiosa fez mais uma vítima, nesta quinta-feira (12), no Rio de Janeiro. De acordo com informações do Dia on line, o O Centro Espírita Vovô Cipriano de Aruanda, que fica na Rua Visconde de Caravelas, no bairro Jardim Primavera, em Duque de Caxias, teve o altar e as paredes destruídas.

De acordo com o dirigente do Centro, Jorge Anderson Reis de Souza, de 21 anos, o pedreiro Luciano da Silva Claudino,23 anos, entrou no centro gritando que o local era coisa do demônio e deveria ser quebrado. O dirigente, que tem um filho de oito meses, se trancou em casa com a família.

"Tive que escorar a porta da sala com um sofá, pois ele queria nos atingir", disse Jorge Anderson.

O pedreiro foi detido e liberado logo em seguida.

Jorge Andreson fundou o centro há três anos na vila onde mora e diz que vem sofrendo preconceitos desde a abertura da casa.

"Jogam pedregulhos e até bolas de gude para quebrar as telhas. Cospem no chão e viram a cara quando nos vêem", completa o dirigente.

Comentários

PARCEIROS NA SOLIDARIEDADE

PARCEIROS NA SOLIDARIEDADE
clique na imagem para abrir o link

Postagens mais visitadas