Parabéns, Umbanda pelos seus 110 anos



Parabéns, Umbanda!  Hoje, a senhora completa 110 anos.  Fomos apresentados à senhora, em 15 de novembro de 1908, pelo Caboclo das Sete Encruzilhadas, mentor do médium Zélio Fernandino de Moraes. O nascimento (se é que podemos dizer isso) ocorreu no bairro de Neves do município de São Gonçalo, em Niterói, no Rio de Janeiro. Desde então, a senhora estabeleceu a mais popular forma de comunicação entre encarnados e os irmãos da desencarnadas. Abriu um canal para que pudéssemos nos reencontrar com a nossa ancestralidade.

Caboclos, pretos-velhos, crianças e tantos outros amigos da espiritualidade, que passaram pela mesma experiência de viver neste plano terreno. Por mais de um século, todos eles têm sido nossos companheiros, conselheiros e protetores na nossa jornada terrena. Não há palavra que possa expressar a nossa gratidão a senhora Umbanda.

A senhora, por mais que neguem os adversários e opressores da religiosidade de matriz africana, é uma das mais populares práticas de fé que existe no nosso país. Muitos negam e se dizem adeptos de outras religiões. Mas quando não encontram respostas para suas angústias e aflições, lá estão eles no terreiro onde a senhora é a regente das mais diferentes energias e forças. Vão em busca do caboclo, do preto-velho, do Exu e de outras entidades.

A senhora é eclética e desprovida de qualquer tipo de preconceito. Aceita pessoas de todas as crenças, raça, cor e pouco se importa com a orientação sexual dos seus adeptos e seguidores. Para a senhora Umbanda, bem sabemos, o que vale é o que todos carregam no coração. Sua força é agregadora e reúne o que há melhor em outras religiões: admite o orientação kardecista, reconhece a força dos rituais indígenas, admite as energias orientais e se ancora na força dos orixás que aqui aportaram trazidos do continente africano. Não despreza sequer os santos católicos, mesmo depois de seus sacerdotes satanizarem os mentores espirituais que atuam sob o seu manto.

Querida Umbanda, como este mundão de Zambi seria diferente se todos compreendessem a sua mensagem de fé, de harmonia, de paz e amor a todos os seres que vivem neste plano ou na dimensão espiritual. Quantos de nós não compreenderiam o quanto é passageira a nossa estada no plano material e evoluiríamos o suficiente para galgar vários degraus rumo à Espiritualidade Maior.

Nesta data, queremos render nossa homenagem à espiritualidade congregada pela senhora Umbanda. Queremos ainda rogar a Zambi que a egrégora umbandista nos abençoe e nos torne sempre dignos de entrarmos num terreiro. Bênção a todos orixás, a todos mentores, falangeiros, divindades, encantados e aos que têm fé e aos que não fé.

Salve a Umbanda!

Comentários

Marcia Brandão disse…
Lindissima homenagem. Parabéns!
Rosiley Bertini disse…
Salve a Umbanda! Muita geatidão às amadas entidades que tanto nos auxiliam.
Feliz aniversário, Umbanda cheia de amor (caridade), luz e paz! ��⭐️��

Postagens mais visitadas