Semana dos Preto Velhos (2): Os sete sorrisos de um preto velho

No aniversário de quem amamos, sempre buscamos um presente que agrade a pessoa, que a deixe feliz. Essa é uma das formas — existem muitas outras — de expressar carinho. Na mensagem de hoje, trazemos dicas do que é possível fazer para agradar aos nossos queridos pretos e pretas velhas, que, ao longo do ano, muito nos ajudam a seguir em frente na nossa trajetória. 



Os sete sorrisos de um preto velho
 

O primeiro sorriso é pelo médium que está sempre zelando por sua conduta e equilíbrio espiritual, quando um preto velho ou outra entidade chega no terreiro é recebido com carinho.


O segundo sorriso é pelas crianças carnais que, em muitas ocasiões, estão presentes nas giras, o ambiente de alegria, amor e muito carinho.
 

O terceiro sorriso é pelos médiuns que estão dispostos a ajudar e zelar pela casa de nosso pai, que chegam cedo para ajudar, para organizar a casa pela própria vontade e que, muitas das vezes, são os primeiros a chegarem nas giras e os últimos a saírem também.
 

O quarto sorriso é pela pessoas que, por meio do olhar, manifestam humildade, solidariedade, igualdade e vontade de receber a caridade, pois são os sentimentos que brotam do coração.
 

O quinto sorriso é pelo consulente que vem até ao preto ou preta valha e fala: “Hoje, meu preto velho, não vim para pedir e sim para agradecer a nosso pai Oxalá por tudo que recebi.”
 

O sexto sorriso é pelo zelo com que o dirigente tem por nossa mãe Umbanda, pelos seus irmãos, por muitas vezes, por sua tamanha humildade não sabem a tamanha referência que é.
 

O sétimo sorriso é por agradecimento aos orixás, pois, por intermédio deles, Zambi maior concede a oportunidade de podermos praticar a caridade e elevarmos nossa espiritualidade.

Fonte: Minha Umbanda

Comentários

Postagens mais visitadas